+

Histórico e Contextualização do Programa

O Programa de Pós-Graduação em Biociências e Fisiopatologia (PBF) é vinculado ao Departamento de Análises Clínicas e Biomedicina da Universidade Estadual de Maringá/UEM, situada na região noroeste do Estado do Paraná, região Sul do país. Oferece os Cursos de Mestrado e Doutorado, que são recomendados e reconhecidos pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), Ministério da Educação (MEC).

O Programa de Pós-Graduação em Biociências e Fisiopatologia (PBF)/UEM obteve aprovação interna da UEM no início de 2002  e na CAPES em 06/11/2002, iniciando as atividades de sua primeira turma do Curso de Mestrado em 31/03/2003. O Curso de Doutorado foi recomendado pela CAPES em 28/10/2011, tendo iniciado suas atividades em março de 2012. O PBF iniciou suas atividades com nota 3 atribuída pela CAPES. No triênio de 2007 a 2009 obteve sua nota atual, que é a nota 4.

O PBF passou por algumas mudanças de nomenclatura até chegar ao nome atual, em vigência a partir de novembro de 2013, que foi aprovada pelo Conselho Universitário/COU da UEM em 30/09/2014 através da Resolução nº 032/2013-COU e pelo Conselho Interdepartamental/CI do Centro de Ciências da Saúde/CCS (Parecer nº 025/2013-CI/CCS). A atual de nominação “Programa de Pós-Graduação em Biociências e Fisiopatologia (PBF)”, acomoda com coerência as atividades de ensino e pesquisa do Programa, tendo em vista a abrangência das linhas de pesquisa, projetos e, consequentemente, das dissertações, teses e ainda produção intelectual. Ainda, contempla a grande interdisciplinaridade da Área da Farmácia/CAPES. As denominações anteriores foram: Programa de Pós- Graduação em Análises Clínicas (03/2003-11/2008) e Programa de Pós-Graduação em Biociências Aplicadas à Farmácia (12/2008-11/2013).

ESTRUTURA: O Programa de Pós-Graduação em Biociências e Fisiopatologia tem 1 (uma) área de concentração e 3 (três) linhas de pesquisa, a saber:

ÁREA DE CONCENTRAÇÃO:Biociências e Fisiopatologia Aplicadas à Farmácia

Descrição: Estudo de patógenos de interesse médico, da etiofisiopatologia de doenças humanas e animais e da eco-epidemiologia e controle de doenças.

LINHAS DE PESQUISA:

1.    Patógenos de interesse médico

Descrição: Estudo dos mecanismos de patogenicidade, atributos de virulência sob a óptica celular, fisiológica e molecular de microrganismos de interesse médico. Estudo do perfil de resistência/susceptibilidade aos antimicrobianos clássicos e de novas opções terapêuticas. Desenvolvimento de técnicas, métodos e protocolos visando a detecção desses agentes.

2.    Etiofisiopatologia de doenças humanas e animais

Descrição: Estudo dos aspectos básicos das diferentes doenças que acometem o homem ou animais com ênfase no estudo do processo fisiopatológico das mesmas, fatores predisponentes, hábitos de vida e outros, visando contribuir para o aprimoramento do diagnóstico laboratorial, maior compreensão do processo saúde/doença e a promoção/manutenção da saúde.

3.    Eco-epidemiologia e controle de doenças

Descrição: Estudo de fatores ambientais e/ou ecológicos que possam determinar ou contribuir para o desequilíbrio homem-ambiente implicando em riscos de doenças e outros agravos ao ser humano, bem como mecanismos para o controle dos mesmos.

Estas linhas de pesquisa, em conjunto, abrangem a área de atuação dos docentes, comprovada pela coerente distribuição de 18 projetos de pesquisa em andamento, sendo seis em cada uma das 3 linhas. As linhas apresentam coerência entre si, são consistentes e vinculadas com a proposta curricular. Os 18 projetos de pesquisa são todos coordenados por docentes permanentes do programa e com financiamento externo. A distribuição dos docentes é equilibrada e envolve pós-graduandos e graduandos de iniciação científica.

Até o ano de 2013, foram defendidas 170 dissertações (mestrado acadêmico), cujos profissionais hoje desempenham atividades de ensino, pesquisa e/ou profissionais que tem auxiliado no crescimento do interior do Estado do Paraná bem como de outros estados brasileiros.

O PBF TEM POR OBJETIVOS

OBJETIVO GERAL: O Programa de Pós-Graduação em Biociências e Fisiopatologia (PBF) é vinculado ao Departamento de Análises Clínicas e Biomedicina (DAB)/UEM, e destinado à formação de pessoal qualificado para o magistério superior, atividades de pesquisa e exercício profissional.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

I- Preparar mestres, doutores e pesquisadores, com formação avançada em biociências e fisiopatologia, habilitando-os à prática da investigação científica;

II- Formar mestres, doutores e pesquisadores capacitados para atender à demanda de instituições de ensino em saúde;

III- Promover ambiente de discussão e entendimento sobre doenças e agravos que acometem o ser humano, no sentido de desenvolver no aluno o pensamento crítico, tornando-o apto ao aprimoramento e à adequação a novas tendências em saúde.

O Programa estrutura-se em duas vertentes de capacitação:

1) Por intermédio de Disciplinas;

2) Pelo sistema de orientação.

A orientação tutorial permite que os orientadores propiciem uma orientação individualizada e personalizada aos alunos, o que garante a sólida formação de docentes/pesquisadores. Ainda, a formação de recursos humanos criativos, com habilidades técnicas, éticas e de comunicação bem como capacitados para o trabalho com e em grupos é uma prioridade no PBF. A concepção da proposta pedagógica do curso visa garantir a atividades teóricas e práticas que direcionem esta formação.